expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

domingo, 3 de março de 2013

Estudante cria equipamento que simula o 'Sentido Aranha'

Super Roupa>>>
Nos quadrinhos, um dos poderes mais úteis para o Homem-Aranha é o "sentido aranha", uma habilidade que permite ao cabeça de teia perceber qualquer objeto se movendo a sua volta. Inspirado no super-sentido do herói aracnídeo, Victor Mateevitsi, um estudante de graduação de ciência da computação da Universidade de Illinois, em Chicago, construiu  o Spidersense, um traje que permite ao usuário perceber objetos à sua volta a uma certa proximidade. 
O equipamento permite até que pessoas possam se mover entre obstáculos com os olhos vendados, remetendo mais aos poderes do Demolidor, o herói cego que "enxerga" através de ondas sonoras. O traje é composto de pequenos braços robóticos, envoltos em módulos ligados à microfones que emitem e recebem vibrações ultra-sônicas de objetos próximos. O sistema de ultra-som detecta se uma pessoa ou qualquer outra coisa se aproximar do microfone, os braços robóticos respondem, colocando pressão sobre o corpo na área correspondente de onde a "ameaça" está. Para dar ao usuário cerca de 360 ​​graus de sensibilidade, existem sete desses módulos distribuídos.

"Quando alguém está atacando o Homem-Aranha, os super sentidos dele permitem que saia ileso. O traje segue o mesmo conceito ",  disse Mateevitsi à New Scientist.

As possibilidades que a invenção de Mateevitsi abrem são fascinantes. Para testar o sistema ele vendou membros da sua equipe e pediu para lançarem estrelas ninja de papel toda vez que percebessem alguem se aproximando. "Noventa e cinco por cento do tempo eles foram capazes de sentir a presença e lançar a estrela na direção certa", disse Mateevitsi.

O inventor Mateevitsi usando o Spidersense
Mateevitsi acredita que o traje, ou mesmo apenas alguns sensores nos braços e costas, terão aplicações para ciclistas que busacam aumentar a sua consciência espacial no trânsito. Ele e seus colegas também querem testar o Spidersense em  pessoas com deficiência visual e adicionar mais sensores para estudos futuros.

Ele agora se prepara para apresentar a invenção na quarta Augmented Human International Conference, em Stuttgart, Alemanha, em 7 de março.

Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...